OTIMIZAÇÃO DO ARRANJO FÍSICO E ERGONOMIA ATRAVÉS DA TEORIA DAS FILAS EM UM RESTAURANTE POPULAR DE PONTA GROSSA: ESTUDO DE CASO

Izabella Morré Rodrigues, Natalia dos Reis Cubarenco, Shin Yung Chin

Resumo


O presente artigo aborda a aplicação da teoria das filas em um Restaurante Popular de Ponta Grossa, onde atualmente serve proximamente 1250 refeições apenas no período de almoço, para resolver o problema de longas filas. O estudo foi norteado visando resolver questões de dimensionamento de layout e ergonômica. São propostas 3 sugestões de melhoria. A primeira foca na questão ergonômica dos funcionários ao servirem refeições; a segunda visa a modificação do atual arranjo físico do posicionamento das mesas; e a terceira no remanejamento da área de descarte. Os resultados que poderão ser alcançados é de maior fluidez na fila.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.