EMPREGO DA ANÁLISE ERGONÔMICA DO TRABALHO EM COLABORADORES DE UM POSTO DE COMBUSTÍVEL NA CIDADE DE MARINGÁ/PR

Ana Carla F. Gasques, Jordana Dorca dos Santos, Tainara Rigotti de Castro

Resumo


No decorrer da evolução humana a ergonomia vem se ampliando com o intuito de proporcionar maior comodidade às atividades desenvolvidas pelo homem. A partir da modernização dos ambientes de trabalho, surge a necessidade de estudos tendo por objetivo reduzir doenças e danos ao bem-estar do trabalhador. Através de três métodos (Antropometria, OWAS e NIOSHI) disponíveis pelo software Ergolândia, a presente pesquisa teve por objetivo analisar as condições ergonômicas dos trabalhadores de um posto de combustível localizado na cidade de Maringá - PR, em especial frentista, repositor de mercadorias e analista fiscal. Foi possível perceber em todas as situações analisadas que mesmo posturas que visivelmente mostram-se menos agressivas aos trabalhadores no dia a dia, e mesmo com a análise não apresentando grandes problemas, estas podem ocasionar causam desconforto, ou lesões seja por esforço repetitivo ou por permanecer em determinada posição durante toda a jornada de trabalho. É necessário que ocorra interferência ergonômica no posto de trabalho, para que a jornada de trabalho seja uma relação harmonicamente entre trabalhador e atividade, sem prejuízos para a saúde do trabalhador e produtividade da empresa.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.